terça-feira, junho 28, 2005

A culpa é do petróleo

"Pois é pessoal, a gasolina voltou a aumentar. Podem pensar que isto não tem piada, eu também acho, mas o governo deve achar uma piadão, todos os meses é a mesma pouca vergonha!!!
Depois vêm dizer que a culpa é do petróleo, que está sempre a subir! O petróleo tem subido tanto, que as marés negras já não andam no mar, andam na areia a aliviar carteiras. Também mudaram de embarcação, as marés negras, antigamente vinham de petroleiro, agora vêm de arrastão."

Paulo Baldaia

Para manter um corpo esbelto...


segunda-feira, junho 27, 2005

Para todas as mulheres...

Ana, este texto é especialmente para ti...

Há quem ache que as mulheres só têm defeitos, mas ficam desde já a saber que quando Deus fez a mulher, já estava a trabalhar há seis dias consecutivos.

Apareceu um anjo que lhe perguntou: "Deus, porque estás a perder tanto tempo com esta criação?"

Ao que Deus respondeu: "Já viste a minha lista de especificações para este projecto? Ela tem que ser completamente lavável, mas sem ser de plástico, tem mais de 200 partes móveis, todas substituíveis, e é capaz de sobreviver à base de coca-cola light e restos de comida, tem um colo capaz de segurar em quatro crianças ao mesmo tempo, tem um beijo capaz de curar qualquer coisa desde um arranhão no joelho a um coração ferido e faz isto tudo apenas com duas mãos."

O anjo ficou estupefacto com estas especificações. "Só duas mãos!? Impossível! E esse é apenas o modelo normal? É muito trabalho só para um dia. É melhor acabares só amanhã."

"Nem pensar", protestou Deus. "Estou quase a acabar esta criação que me é tão querida. Ela já é capaz de se curar a si própria quando fica doente e consegue trabalhar 18 horas por dia."

O anjo aproximou-se e tocou na mulher. "Mas fizeste-a tão macia e delicada, meu Deus".

"Sim, mas também pode ser muito resistente. Nem fazes ideia o que ela pode fazer e aguentar."

"E ela vai ser capaz de pensar?" perguntou o anjo.

"Não só é capaz de pensar como é capaz de negociar e convencer"

O anjo então reparou num pormenor e tocou na cara da mulher. "Ups, parece que tens uma fuga neste modelo. Eu disse-te que estavas a tentar fazer demais numa criatura só."

"Isso não é uma fuga, é uma lágrima."

"E para que é que isso serve?" perguntou o anjo.

"A lágrima é o seu modo de exprimir alegria, pena, dor, desilusão, amor, solidão, luto e orgulho."

O anjo estava impressionado."És um génio, Deus. Pensaste em tudo."


E de facto as mulheres são verdadeiramente espantosas. Têm capacidades que surpreendem os homens. Carregam fardos e dificuldades, mas mantendo um clima de felicidade, amor e alegria. Sorriam quando querem gritar. Cantam quando querem chorar. Choram quando estão felizes e riem quando estão nervosas.
Lutam por aquilo em que acreditam e não aguentam injustiças. Não aceitam um "não" quando acreditam que existe uma solução melhor. Prescindem de tudo para dar à família.
Vão com um amigo assustado ao médico. Amam incondicionalmente. Choram quando os seus filhos são os melhores e aplaudem quando um amigo ganha um prémio.
Ficam radiantes quando nasce um bébé ou quando alguém se casa. Ficam devastadas com a morte de alguém querido, mas mantêm a força além de todos os limites. Sabem que um abraço e um beijo podem curar qualquer desgosto.

Existem mulheres de todos os formatos, tamanhos e cores. Elas conduzem, voam, andam e correm ou mandam e-mails só para mostrar que se preocupam contigo. O coração de uma mulher mantem este mundo a andar. Elas trazem alegria, esperança e amor. Dão apoio moral à sua família e amigos. As mulheres tem coisas vitais a dizer e tudo para dar.

NO ENTANTO, SE EXISTE UM DEFEITO NAS MULHERES É QUE ELAS SE ESQUECEM CONSTANTEMENTE DO SEU VALOR.

Este texto é só para que todas as mulheres se lembrem do espantosas que são...

quarta-feira, junho 22, 2005

Carta aberta aos bandidos

"ESTIMADOS BANDIDOS,
De acordo com o relatório do Ministério da Administração Interna, a criminalidade dos gangs aumentou 460% em sete anos. Creio ser seguro afirmar que nenhuma outra actividade teve, em Portugal, um sucesso que sequer se assemelhe a este. Se alguma classe profissional tem levado a sério o apelo patriótico do Presidente da República para fazer um esforço no sentido de dar o melhor de si ao País, é a vossa.
Não posso, no entanto, deixar de colocar fortes reservas à vossa última iniciativa. É certo que a notícia correu mundo, e é inegável que isso, juntamente com os êxitos de José Mourinho, contribui para prestigiar o nome de Portugal lá fora. Mas mobilizar 500 marmelos para assaltar uma praia é simplesmente estúpido. Com meio milhar de meliantes bem organizados, vocês podiam ter assaltado a agência sede da Caixa Geral de Depósitos e trazido o cofre-forte ao colo. Duzentos e cinquenta de cada lado e levavam aquilo em peso para casa.
A assaltar uma praia, parece-me óbvio que deveriam ter escolhido praias de gente rica, como a dos Tomates, a do Ancão ou as de Vilamoura. Num dia bom, talvez conseguissem palmar o helicóptero do Manuel Damásio.
Já a praia de Carcavelos, meus amigos, o que é que tem para roubar? Por mais que me esforce, não consigo deixar de imaginar a vossa reunião após o arrastão como uma cena patética do tipo:

Bandido: Muito bem, vamos lá dividir o produto do roubo desta tarde. Este bronzeador solar factor 30 fica para mim. Mãozinhas, ficas com este par de raquetes. Aqui o tupperware de pataniscas de bacalhau é para o Zé Naifas. E os outros 497 dividem este tacho de arroz de tomate embrulhado em papel de jornal.

RIDÍCULO, não vos parece? Sei que a minha opinião de leigo, provavelmente, conta pouco, mas não faria mais sentido dividirem-se em grupos de 50 (que já assustam) e assaltarem dez praias em vez de uma? É uma questão de aritmética simples. Se me permitem a observação, estou convencido de que vocês, bandidos nacionais, são como os empresários portugueses − e digo isto sem pretender ofender-vos de modo algum. Têm iniciativa, sim senhor, mas falta-vos visão estratégica e, sobretudo, formação. Pois não é evidente que os vossos negócios se desenvolvem menos bem na praia do que, digamos, no campo? Refiro-me, especialmente, a campos de golfe. Mantém-se o contacto com a natureza e o trabalho ao ar livre − que, pelo vistos, vocês tanto prezam − e tem duas vantagens que entendo como fundamentais: primeira, há muito mais coisas valiosas para roubar; segunda, eu vou à praia de vez em quando, mas não jogo golfe.
Pensem lá bem nisso e continuação de bom trabalho.

Um abraço para todos do Ricardo

P.S.: Não sei qual de vocês ficou, aqui há tempos, com o meu auto-rádio. Se ainda não foi vendido, uma dica: lá dentro ia um CD do Sérgio Godinho, o Rivolitz. Tenham isso em atenção na altura de fazer o preço, porque é um belo álbum ao vivo."

Ricardo Araújo Pereira in Visão (16 de junho de 2005)


Por muito incrível que possa parecer isto foi-me enviado por mail pela Susy. Obrigado. Mereces um... Não, não mereces nada, não fizeste mais do que a tua obrigação :P

terça-feira, junho 21, 2005

Quem sabe, sabe

George W. Bush e Tony Blair estão num jantar na Casa Branca.

Um dos convidados aproxima-se deles e pergunta-lhes:
- Sobre o que estão a conversar de forma tão animada?

- Estamos a fazer planos para a terceira Guerra Mundial, diz Bush.

- "Uau!", diz o convidado. E quais são esses planos?

- Vamos matar 14 milhões de muçulmanos e 1 dentista, responde Bush.

O convidado parece confundido e pergunta:
- Um... dentista? Porque é que vão matar um dentista?

Blair dá uma palmada nas costas de Bush e exclama:
- Não te disse? Não te disse? Ninguém irá perguntar pelos muçulmanos!!!

Espaço de estacionamento para mulheres

Lápides

Algumas sugestões para que, desde já, escolha o que gravar na sua lápide tumular.

Se é...

Espiritualista
Volto já.

Agrónomo
É favor regar o solo com Nevugon. Evita vermes.

Alcoólico
Enfim, sóbrio.

Arqueológo
Enfim, fóssil.

Assistente Social
Alguém aí, ajude-me!

Cartonista
Partiu sem deixar traços.

Polícia
Está a olhar para o quê? Circule, circule.

Ecologista
Entrei em extinção.

Enólogo
Cadáver envelhecido em caixão de carvalho, aroma formol que denota a presença de microorganismos diversos.

Funcionário Público
É no túmulo ao lado.

Garanhão
Rígido, como sempre!

Herói
Corri para o lado errado.

Hipocondríaco
Eu não disse que estava doente?

Humorista
Isto não tem graça nenhuma.

Marinheiro Diabético
Foi doce morrer no mar.

Judeu
O que estão a fazer aqui? Quem está a tomar conta da loja?

Ninfomaníaca
Que maravilha, estes vermes vão comer-me toda!

Pessimista
Aposto que está um frio de rachar no inferno.

Psicanalista
A eternidade não passa de um complexo de superioridade mal resolvido.

Sex Symbol
Agora, só a terra vai comer.

Viciado
Enfim, pó.

sexta-feira, junho 17, 2005

Descubra o culpado...

A resposta está nos comentários, mas primeiro pense, use a lógica e depois responda!!!


Tendo chegado ao conhecimento de um Delegado a notícia de um homicídio, instaurou-se o devido inquérito policial: Arguida pelo delegado, a testemunha levou-o ao suspeito.

Quando chegou, o delegado deparou-se com um problema grave: o suspeito tinha um irmão gémeo, idêntico.

Na dúvida, o delegado prendeu os dois irmãos.

Após um mês na prisão, um dos irmãos engordou quase quinze quilos, enquanto o outro permaneceu com o mesmo peso de quando fora preso.

Analisando pormenorizadamente os factos e os acontecimentos, o delegado chegou à conclusão da autoria do crime e deixou sair em liberdade o gémeo gordo e indiciou o magro.

Pergunta-se: Qual o fundamento técnico e jurídico para a liberação e para o indiciamento?

As aparências enganam...


As aparências... nem sempre enganam

O velho ditado popular "as aparências enganam" nem sempre corresponde à verdade, porque às vezes, o que parece... é. Mas parece que ninguém liga muito a isso. Por isso, sempre que um namorado trai a namorada e a namorada o apanha em flagrante delito ele diz: "Isto, não é o que parece..." e ainda acrescenta: "Eu posso explicar!... Isto não é o que parece..."

terça-feira, junho 14, 2005

Urgentemente

É urgente o Amor,
É urgente um barco no mar.

É urgente destruir certas palavras
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.

É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.

Cai o silêncio nos ombros,
e a luz impura até doer.
É urgente o amor,
É urgente permanecer.

Eugénio de Andrade

sábado, junho 11, 2005

Transporte alternativo

O preço do gasóleo e da gasolina aumentaram de novo. Está cada vez mais caro andar de carro. Já não há quem aguente... tudo sobe... menos os salários, esse continua igual. O governo faltou à aula de matemática onde a professora ensinou a proporcionalidade directa... Se os gastos sobem (porque tudo está mais caro) o salário também deve subir. Mas nem tudo são más notícias, o governo também faltou à aula de propocionalidade inversa (ainda bem) porque senão os salários em vez de subirem, desciam.
Pelo estado da nação é evidente que o governo fez sempre e, não só de vez em quando, gazeta às aulas de matemática.
Portanto, façam como eu e, arranjem um meio de transporte alternativo...


quarta-feira, junho 08, 2005

Ajuste de contas

Um Grego, um Espanhol e um Português estão de visita a Arábia Saudita e resolvem tomar umas doses de whisky. A polícia aparece e prende-os. A simples posse de bebidas alcoólicas é uma ofensa grave na Arábia Saudita e os três são sentenciados a receber 20 chibatadas cada.

Quando eles estão a preparar-se para a punição, o Sheik anuncia:
- Hoje é o aniversário da minha esposa, e ela pediu-me para permitir a cada um de vocês um desejo antes da punição.

O Grego foi o primeiro da fila, pensou um pouco e pediu:
- Por favor, amarrem 2 almofadas nas minhas costas.

Assim foi feito, mas as almofadas só duraram 10 chibatadas. Quando tudo terminou ele teve de ser carregado sangrando e com muita dor.

O Espanhol, esperto como sempre, viu o que tinha acontecido e sendo o segundo, pediu:
- Por favor, amarrem 4 almofadas nas minhas costas.

Porém, mesmo assim, após 15 chibatadas as almofadas não suportaram e o Espanhol foi levado sangrando e maldizendo o acontecido.

O Português foi o último e antes que pudesse dizer o seu pedido, foi interrompido pelo Sheik:
- Você pertence a um país belíssimo. Eu adoro Portugal e vou-lhe agraciar com 2 pedidos antes da punição.

O Português disse:
- Obrigado, sua Alteza. Em reconhecimento à sua bondade, meu primeiro desejo é que eu receba 100 chibatadas e não 20 como previsto, pois eu sinto-me culpado pelo ocorrido, eu sabia das vossas leis.

Ao que o Sheik respondeu:
- Além de ser um homem honrado, nobre e gentil, o senhor é também um homem corajoso. Que assim seja! Mas qual é o seu segundo pedido?

Ao que o Português complementou:
- Quero que amarrem o Grego às minhas costas... temos umas contas a ajustar!

Sistema anti-roubo


Especialistas lusitanos

Empresa nacional especialista em montagens de ar condicionado. Montagens rápidas e completamente seguras. Desenrasca-se todo o tipo de situações.


sexta-feira, junho 03, 2005

Morena burra

Todas as pessoas dizem que as loiras são burras, mas isso é nitidamente mentira, é uma falásia. Assim sendo, eu juntei-me à campanha nacional em defesa das loiras.

Lá estão vocês a pensar: "pois, ele deve ser loiro ou então... deve ter uma namorada loira ou... está a bater o coro a uma loira e para ficar bem visto e fazer-se ao bife... está a dizer estes disparates. Grande bimbo!"

Não! Eu não sou loiro (em nenhum dos sentidos) e nem estou a bater o coro ou a namorar com uma loira... Porra! (o porra é para não deixar qualquer dúvida).

Eu juntei-me à campanha porque nem todas as loiras são burras... deve haver umas 7 ou 8 que se safam (deve haver... eu é que ainda não as conheci) e fazem com que a frase "as loiras são burras" seja uma falásia. Para deixar de ser uma falásia tem de se acrescentar: "quase todas..." ou "a grande maioria..." Mas, pensando bem nós vamos ter de continuar com a falásia: "as loiras são burras" porque elas não sabem o que é "maioria" e só algumas (muito poucas, tipo... 2 ou 3) sabem o que quer dizer "quase".

Esta campanha vai sensibilizar as pessoas de que não são só as loiras que são burras, também há morenas burras!!! (Vê o video)

Santinho


Não podes!!!