terça-feira, setembro 20, 2005

Carro é coisa de pobre

Excerto duma entrevista ao actor José Wallenstein publicada no jornal "Destak" no dia 5/9/05

Nos dias de hoje, o que é urgente ser feito?
Acabar com a ditadura dos automóveis e com o estacionamento em cima dos passeios. Para não falar daqueles que são arrumados em frente das portas de entrada das casas. É uma barbárie! Às vezes, parece que a cidade é feita para os carros e não para as pessoas.

Porque é que as pessoas são dependentes do automóvel?
É uma questão cultural. Portugal é um país que foi muito pobre. Agora, é só pobre. O carro é um electrodoméstico que é valorizado como uma jóia.

Sem comentários: